Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Tentativa de troca de casais acaba em mulher esfaqueada
22/04/2021 08:39 em Notícias

A Polícia Civil de Venâncio Aires encerrou na tarde desta quinta-feira, 15, uma investigação a respeito de um crime ocorrido no município há pouco mais de um mês e meio. Um homem foi indiciado por tentativa de feminicídio após esfaquear a própria companheira. O caso aconteceu no dia 27 de fevereiro, um sábado. Naquela noite, três casais participaram de um churrasco em um apartamento do Bairro Gressler.

Conforme o delegado Felipe Staub Cano, durante o evento, houve a proposta para que acontecesse uma troca de casais (prática também conhecida por “swing”) entre os envolvidos na casa. “A situação não deu certo. O churrasco terminou e as partes foram embora, tendo esse homem de 33 anos agredido a esposa de 18 com diversas facadas”, comentou o responsável pela Delegacia de Polícia (DP) de Venâncio Aires.

A mulher ficou com ferimentos nos braços, pernas, tórax, barriga e cabeça. O inquérito remetido ao Poder Judiciário contou com cem páginas, tendo oito pessoas sido ouvidas. “Dos depoimentos, percebe-se que eles teriam tentado realizar uma troca de casais e a mulher de outro casal, que não o envolvido na agressão, não teria aceitado”, explicou Cano.

 

Homem diz que agiu por ciúme

A vítima saiu da cidade e tem medida protetiva de urgência contra o autor das facadas. Aos policiais, o homem de 33 anos disse ter cometido o ato por ciúme e que “estava fora de si por ela ter lhe traído”. Ele não tinha antecedente e foi indiciado por tentativa de feminicídio.

“Não tenho como dizer (se houve traição). O que aconteceu de fato foi uma tentativa de troca de casais que não deu certo. Segundo apurado, não teria acontecido nada”, salientou o delegado Felipe Staub Cano.

A faca utilizada no crime foi apreendida pelos policiais. Segundo Cano, o acusado irá aguardar o processo em liberdade. “Não se representou pela prisão preventiva, uma vez que ele compareceu aos atos do inquérito, contribuiu nas investigações, nunca desrespeitou as medidas protetivas impostas de não ter contato com a vítima, não estando ela sob ameaça”, finalizou o delegado responsável pela DP de Venâncio Aires. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados pelas autoridades policiais.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FONTE: JK NOTÍCIAS

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!